IDENTIDADE VISUAL
07.10.2020

O trabalho de identidade visual é bem complexo. Não basta jogar elementos aleatoriamente, exige todo um estudo por trás de cada coisa para que o resultado seja coerente com a proposta da marca.

No caso da minha identidade visual, eu quis trazer a ideia de conforto e memórias, para isso usei as minhas lembranças e as cores ao meu favor.

Fiz um breve estudo para chegar no resultado, fiz um brainstorm sobre o que eu penso quando falo sobre mim e pedi pra algumas pessoas fazerem o mesmo.

CORES

A escolha de cores é um passo importante, tenho certeza que você já leu algo sobre o motivo de grandes redes de fast food optarem por amarelo, vermelho e azul.

As cores despertam emoções nas pessoas e todas elas tem subtons que podem ser positivos ou negativos. No caso do verde, se eu tivesse escolhido outro tom, por exemplo, não estaria passando uma sensação de conforto e sim de náusea.

Então não é uma escolha aleatória e sim estratégica, pois inconscientemente você passa uma mensagem para sua audiência.
Além disso, você pode brincar com suas escolhas através de combinações dentro de um circulo cromático.

ELEMENTOS

Todos os outros elementos também se completam na minha marca.
A forma redonda simboliza a fertilidade e feminilidade, se completando com a planta do café que precisa de solo fértil e que diz um pouco sobre as minhas memórias afetivas, uma forma de homenagear o meu pai.
E a combinação da paleta que também remete a fertilidade, além de conforto e segurança.

Eu gosto de brincar com as demais possibilidades. A marca não precisa ser estática, ela pode se modificar para campanhas especiais, por exemplo, mas o elemento principal precisa estar claro.

A usabilidade é como podemos empregar a logo. Vivo sonhando com a minha própria linha de papelaria, quem sabe? Aqui estão alguns exemplos: cartão de visitas, agenda e ecobag.

E então os demais usos de cores para a minha logo! Gostaram de acompanhar o processo? Que tal ler um pouco mais aqui.

Beijos e até a próxima!

1 comentário

  • […] CONFIRA MEU POST SOBRE IDENTIDADE VISUAL AQUI […]

  • Deixe seu comentário

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    @lumanunesblog