DOCUMENTÁRIO: FYRE FESTIVAL
07.02.2019

Fyre Festival: Fiasco no Caribe

Título Original: FYRE
Onde assistir: Netflix
Duração: 1h37min
Sinopse: Fascinados pela promessa de um festival luxuoso nas Bahamas, centenas de pessoas compraram pacotes que custavam de 10 a 100 mil dólares com direito a acomodações de luxos, apresentações musicais e as melhores comidas e aventuras. No entanto, ao chegar lá eles se depararam com um terreno ainda em construção e algumas tendas. Do dia para a noite, estavam presos em uma ilha deserta com condições instáveis e mudanças climáticas agressivas.
Minha nota: ♥♥♥♥♥

Gente, tudo bem? Assisti esse documentário semana passada e estou até agora perplexa, vou contar a historinha mais ou menos pra vocês e preparem-se para um mix de sentimentos.

Sobre a história

O Fyre Festival era o festival dos sonhos, tipo um Coachella só que mil vezes mais luxuoso em uma ilha paradisíaca nas Bahamas organizada por Billy McFarland.

Desde o começo estava meio óbvio que não daria certo porque era uma ilha que não tinha a menor estrutura. Mas os caras começaram vender os ingressos a preços exorbitantes mesmo assim, até que vendeu tudo! Sim, eles venderam ingressos sem nem ter o projeto ou infraestrutura, apenas divulgando nas redes sociais e soltando promessas vazias.

A divulgação chamou atenção de gente muito famosa. Em parte por causa do lugar paradisíaco que mostrava as modelos da Victoria Secrets se esbaldando nas águas do caribe; em parte pelas promessas de jatinhos particulares, chefs renomados e uma caça ao tesouro de 1 milhão de dólares. (rs)

O documentário traça uma linha do tempo e vai sufocando o expectador com a quantidade de problemas que surgiam. Billy em sua arrogância extrema ignorava tudo e demitia quem ousasse dizer que ia dar errado, mas o pior de tudo é que ele parecia acreditar que poderia dar certo mesmo!

Sempre que algum problema surgia, Billy ia atras dos investidores que injetavam cada vez mais dinheiro no festival. Mas a fonte secou e sabe qual foi a solução? Fazer mais promessas falsas para turbinar o valor dos ingressos.

Resumindo a ópera, depois de envolver uma equipe imensa, as pessoas da ilha (eles foram expulsos da ilha paradisíaca e tiveram que relocar a festa, mas simplesmente não divulgaram essa info kkkk), investidores e até celebridades como Kylie Jenner e Bella Haddid, o que foi entregue não tinha nada a ver com as divulgações. O lugar da festa estava um caos, parecendo um canteiro de obras. A comida sofisticada foram duas fatias de pão com queijo e um alface preto. E pra fechar com chave de ouro, caiu a maior chuva que inundou as barracas e molhou os colchões.

O que eu achei de Fyre Festival

Enfim, foi ótimo ver burguês safado se fodendo, mas deu uma dó do cacete das pessoas que trabalharam, inclusive os moradores locais da ilha que não viram um centavo, só largaram o caos lá.

Billy McFarland foi preso e está cheio de dívidas, mas eu achei uma pena RÍDICULA e fora que vai demorar um tempão pras pessoas receberem, se receberem, né? Porque primeiro ele tem que pagar os quase 28 milhões que pegou dos investidores.

Eu quase infartei assistindo toda aquela irresponsabilidade e o mar de problemas que surgia. Fiquei muito chocada mesmo, então super recomendo!

Nenhum comentário

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

@lumanunesblog