BATALHA DE LIVROS / JUNHO
05.06.2019

Eu amava esse tipo de post aqui no blog, então resolvi voltar com eles. Vou mostrar o que pretendo ler em junho, mas com uma dinâmica diferente. Vou fazer uma batalha de livros toda semana no instagram e vocês vão escolher quais serão minhas leituras.

A Paciente Silenciosa x Uma Mulher No Escuro

A primeira batalha de livros já foi feita.
Em A Paciente Silenciosa conhecemos Alicia Berenson que cinco atrás matou seu marido com cinco tiros no rosto e nunca mais falou nada.
O psicoterapeuta forense Theo Faber almeja descobrir o que aconteceu, o que levou Alicia a cometer tal ato, mas será que ele está preparado para ouvir?

Uma Mulher No Escuro é do brasileiro Raphael Montes (gênio), e dessa vez ele nos conta a história de Vic que há vinte anos sobreviveu a um assassino que matou seus pais a facadas e pichou seus rostos com tinta preta. Hoje, ela mora no Rio de Janeiro, tem pesadelos terríveis e problemas para se relacionar. Mas um web amigo, um psiquiatra e um possível namorado podem estar por trás do seu passado sombrio…

Ao Seu Lado x Imperfeitos

A segunda batalha é entre romances.
Em Ao Seu Lado, Autumn é trancada acidentalmente na biblioteca da escola com o bad boy Dax. Não preciso falar mais nada, né?

Em Imperfeitos, Michael busca um alívio para o seu coração que foi despedaçado pela ex-namorada e seu melhor amigo. Longe de New York, ele conhece Chloe e logo se tornam amigos. Chloe é apaixonada pelo irmão de Michael, Devon. E ai minha gente?

Só As Partes Engraçadas x Por Que Não Escrevi Nenhum Dos Meus Livros

A terceira batalha de livros vai ser difícil.
Nell Scovell é um mulherão da porra. Em Só As Partes Engraçadas, a produtora e diretora por trás de alguns episódios de Os Simpsons E Sabrina, a Feiticeira, fala sobre a falta de diversidade de gênero em produções de Hollywood, além de possuir insights maravilhosos de como é estar por trás das câmeras.

Por que Não Escrevi Nenhum Dos Meus livros é um tutorial às avessas de como escrever um livro. Sério quero ler muito os dois, mas só pode um. Como faz?

Querido Evan Hansen x E Se Fosse A Gente?

E pra finalizar, escolhi dois livros amorzinho.
Evan Hansen tem dificuldades para se relacionar, por isso seu psicólogo sugere que ele escreva cartas para si mesmo. Mas acontece que uma dessas cartas acaba parando mas mãos de Connor Murphy, o valentão da turma. Dias depois, quando Connor comete suicídio e sua família encontra essa carta, eles passam a acreditar que os dois eram amigos e que Evan tentava ajudá-lo. Essa mentira faz com que Evan se aproxime de Zoe, a garota dos seus sonhos. Mas a verdade sempre vem a tona, não é mesmo?

E Se Fosse A Gente? conta a história de Ben e Arthur que estão na dúvida se estão destinados a ficarem juntos ou não. Estou doida pra ler esse livro.

Curtiram a ideia? Conhecem algum título? Votem na Batalha dos Livros! Beijos e até a próxima!

2 comentários

  • Avatar Luna Amil disse:

    Quanto livro bom. “A paciente silenciosa” também está no meio dos livros que pretendo ler esse mês, porém já venho empurrando a leitura dele desde o mês passado, estou com medo de começar e a leitura não fluir. “Querido Evan Hansen” parece ser um livro com uma história bem interessante, por tanto irá para a lista das minhas provaveis leituras do ano. Por enquanto estou lendo ao mesmo tempo quatro livros, dois estou procrastinando o final, um é leitura coletiva para terminar em setembro (It: A Coisa) e o outro foi sorteado da TBR (O homem mais inteligente da história – Augusto Cury) e fora esses tem mais uns dois ou são três livros que pretendo ler ainda esse mês, não sei se terei é tempo.
    Estava com saudades do seu cantinho.

    Beijos da Lua!
    Cantinho da Lua

  • Deixe seu comentário

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    @lumanunesblog