The Air He Breathes
23.02.2016

the air he breathes

Oi thutchucos.

Sou fã da Brittainy C. Cherry, não dá pra negar. Quando soube desse lançamento (que li em dezembro e por isso não faz parte do desafio), corri para o Kindle e pedi pra Nath comprar hahahaha (brigs migs)

The Air He Breathes já começa com a capa babadeira, olha esse omi mara, gente! Liz é uma batalhadora que cria sozinha a filhinha Emma depois que o esposo faleceu. Tristan também precisa lidar com uma grande perda, mas ele não lida tão bem quanto Liz parece lidar.

Em tradução literal o título é “O Ar Que Ele Respira” e é exatamente disso que se trata, duas pessoas que sofreram grandes perdas e que se veem obrigadas a aprender como respirar novamente. Para o Tristan é mais difícil, ele virou uma máquina, um sobrevivente… A Liz tem uma motivação: a pequena Emma.

the air he breathes

Os personagens são tão tragicamente quebrados que deu vontade de entrar no livro e juntar todo mundo em um abraço bem apertado e cheio de amor. De falar: Ei, parem! Eu amo tanto vocês.

Mas nem tudo é tristeza, tem partes bem divertidas, a maior parte delas protagonizada pela melhor amiga de Liz, Faye e pela Emma… E cenas quentes também, tão maravilhosamente sensíveis que até me senti invadindo a privacidade deles hahaha <3

the air he breathes

Ficha do Livro

Título: The Air He Breathes

Autor: Brittainy C Cherry

Ano da edição: 2015

Editora: BCherry Books

Número de páginas: 344 páginas

♥ Minha nota para o livro: 4 / 5 estrelas

Wicked Sexy Liar
15.02.2016

wicked sexy liar

Oizinhos 🙂

Gente, até agora esse desafio tá dando super certo! Amém. Hoje venho falar sobre Wicked Sexy Liar – só disponível em inglês, por enquanto – eu paguei uma pequena fortuna por ele.

Wicked Sexy Liar é o quarto livro da série Selvagem da Christina Lauren – vou deixar o link das resenhas anteriores no final do post – e conta a história de London e Luke. A London apareceu algumas vezes nas outras histórias, mas nada que chamasse atenção. Ela é surfista, bartender e faz uns freela de designer gráfico. De vez em quando sai com os amigos e pra ela tudo está na mais perfeita ordem.

Trabalhando no bar ela conhece sr. sorriso caliente palavras minhas, horrivel, eu sei Luke. Ela sabe que ele é um putão galinha, mas por que não apenas se divertir um pouquinho?

wicked sexy liar

O Luke não presta muita atenção no que está fazendo, sabe? Ele sai com os amigos, bebe, leva garotas pra casa e pra ele tá tudo bem. Depois da London, ele começa finalmente a prestar atenção nas suas atitudes e descobre que toda essa luxuria está relacionado a um coração partido.

Como sempre, existe duas pessoas que querem ficar juntas + um passado envolvido. Quando a London começa a ceder, ela descobre quem estava no passado do Luke e isso faz com que ela retroceda, mas Luke não parece querer deixar que isso aconteça.

wicked sexy liar

Gente, eu amei os personagens. O jeitinho tranquilo da London e como ela gosta de estar sozinha me encantaram. Consegui imaginar suas covinhas e imagino até que ela tenha cheiro de protetor solar hahaha. Já o Luke, eu gostei, embora às vezes ache ele meio machistinha. Mas ele é muito divertido e muitooo conquistador – me senti conquistada por ele.

Por ter gostado tanto dos personagens, por isso achei que eles merecessem uma história melhor – não que tenha sido totalmente ruim, mas eu esperava uma coisa menos clichê. Não posso revelar muito sobre a história ou eu darei grandes spoilers… O interessante dos livros da Christina Lauren é que a cada livro você acaba descobrindo um pouco mais da personalidade dos outros personagens e dessa vez o que ficou mais evidenciado foi como a Harlow super protetora é insuportável. Fiquei muito magoada com o jeito em que ela lidou com toda a situação do passado do Luke.

E por falar em Luke, eu amei a irmã dele! Sério… Queria muito que existisse um livro dela. Enfim… Melhores cenas. Vale a pena a leitura!

♥ Resenha de Misterioso

♥ Resenha de Indecente

♥ Resenha de Sedutor

wicked sexy liar

Ficha do Livro

Título: Wicked Sexy Liar

Autor: Christina Lauren

Ano da edição: 2016

Editora: Gallery Books

Número de páginas: 384 páginas

♥ Minha nota para o livro: 3 / 5 estrelas.

Fale!
07.02.2016

fale!

Oi oi. Saudades de fazer outros posts além de resenhas e desafios – eu amo fazer resenhas! Mas também quero falar sobre tudo e nada hahaha. Uma folguinha tá saindo e eu pretendo fazer posts bem legais. Enquanto isso…

Fale! Não estava previsto para ser lido em janeiro, acontece que rolou aquele tempinho extra e por que não!? Eu ainda não sei o que falar sobre esse livro, é muita coisa… Mas vamos lá.

Fale! já ganhou um montão de prêmios e hoje é um livro paradidático em escolas americanas. O livro foi publicado no Brasil em 2014, pela editora Valentina (well done!) e é muito rico. Sendo bem sincera, a parte que mais me tocou foi a introdução. Ele foi publicado em 1999 e quando fez aniversário de dez anos a escritora escreveu uma carta falando sobre toda a trajetória de Melinda. Logo em seguida, vem outra fala da escritora, simplesmente tocante.

fale!

Dito isso, vamos falar sobre do que o livro se trata. Melinda é uma pré adolescente. Ela estava em uma festa e ficou meio bêbada. Ela ligou para a polícia. Isso foi tudo o que ela fez. Só esse gesto bastou para que todo mundo no colégio a ignorasse ou a tratasse com desprezo. Melinda então foi se fechando em um concha apertadinha, porém protegida. Ela parou de falar. Simples assim.

“Fale sobre você… Queremos saber o que tem a dizer.”

Ela ouvia isso, mas sabia que era mentira. Ninguém quer ouvir o que ela tem a dizer. Finalmente, a garota encontra abrigo nas aulas de arte, e será por meio de seu projeto artístico que tentará retomar a vida e enfrentar seus demônios: o que, de fato, ocorreu naquela maldita festa?

fale!

O livro é divido em quatro partes: como se fossem os quatro bimestres escolares de Melinda. Não espere uma história agitada, cheia de acontecimentos, nesse ponto é bem monótona. Mas é um livro que mexe com você. Que te faz pensar e repensar nas suas atitudes. Um livro triste, daqueles que dá vontade de entrar nas páginas e ajudar, mas ai você começa a se perguntar: Se isso realmente tivesse acontecendo, o que eu faria?

Fale! é um livro que espanta por ser extremamente atual, frágil, irônico, doloroso… Deveria ser livro de cabeceira de todo mundo.

No final, ainda tem entrevista com a escritora e uma guia para te ajudar a refletir sobre a leitura. Gente… Muito, muito, muito rico. A capa é linda e cheia de significado. Affe, não sei o que falar sobre.

Aliás, sei sim! É tão massa que virou um filme estrelado pela Kristen Stewart baby hahaha:

Pensando em todas essas coisas mara, resolvi sortear o meu exemplar (sim! Esse das fotos, que eu li). Para participar, basta clicar aqui.

fale!

Ficha do Livro

Título: Fale!

Autor: Laurie Halse Anderson

Ano da edição: 2014

Editora: Valentina

Número de páginas: 248 páginas

♥ Minha nota para o livro: 5 / 5 estrelas.

Não Olhe Para Trás
04.02.2016

não olhe para trás

Oi thucos!

Seguindo o desafio de ler um livro por semana, o quarto da lista é o favorito de janeiro. Não Olhe Para Trás foi indicação indireta da Mar do La Garota. Ano passado, ela postou várias coisas sobre esse bendito e falou tão bem que acabei não resistindo. Comprei ano passado, mas só agora bateu o clima hahaha

Em Não Olhe Para Trás, Samantha tem 17 anos, é rica e popular. Depois de passar quatro dias desaparecida, ela reaparece machucada e sem memória. Sam não se lembra de ser a garota mimada e cruel que todos falam que ela costumava ser. A melhor amiga/rival da garota – Cassie também desapareceu, mas não voltou. O que será que aconteceu na noite em que ambas sumiram? E por que Cassie não voltou para casa?

não olhe para trás

Comecei ler e logo no começo falei: pffff tá na cara que fulano tá envolvido. No meio eu já tinha mudado de ideia e o final foi totalmente surpreendente. Sério. Esse é um daqueles livros que a sinopse não faz jus a história. Eu adorei o mistério e como ele foi solucionado.

A Sam volta pra casa com amnésia e entre começar a seguir sua rotina novamente e lidar com a perda de memória, ela tenta descobrir o que aconteceu com Cassie. Bilhetes misteriosos começam a aparecer e a sensação de estar sendo perseguida aumenta a cada dia, criando um ambiente de suspense de prender a respiração. E que final foi esse, minha gente!? Não cheguei nem perto de descobrir o que realmente tinha acontecido!

não olhe para tras

Os personagens são muito carismáticos e o cenário muito bem montado. Até mesmo a pitadinha de romance que rola no livro te deixa sem ar. A única coisa que não curti foi a Samantha pré incidente, acho que faltou uma explicaçãozinha pra ela ter deixado de ser uma menina doce e se tornado uma garota cruel, mas ok. Não estragou o enredo incrível.

não olhe para trás

Ficha do Livro

Título: Não Olhe Para Trás

Autor: Jennifer L. Armentrout

Ano da edição: 2014

Editora: Farol Literário

Número de páginas: 440 páginas

♥ Minha nota para o livro: 5 / 5 estrelas.

Preciso Do Seu Amor
28.01.2016

preciso do seu amor

Oi thucos!

Preciso Do Seu Amor é o terceiro livro que leio esse ano. A história de amor de Mia e Ford é a segunda dos Sullivans de Seattle.

Mia Sullivan é uma corretora de imóveis de sucesso. Cinco anos atrás ela entregou seu coração para o roqueiro Ford Vincent que logo em seguida a abandonou. Mia jurou que nunca mais o veria, mas isso não significa que ela fosse capaz de esquecê-lo. Só que agora, Ford está de volta, disposto a reconquistar o coração da única mulher que viu nele muito mais do que um rock star.

preciso do seu amor

Well, well… Eu achei que já tivesse desistido dessa série, mas quando Preciso Do Seu Amor chegou na livraria, me interessei pela capa e a sinopse acabou me conquistando. Decidi ler agora porque precisava de um livro despretensioso para aliviar minha cabeça depois de O Sol É Para Todos. E nada melhor do que um romance água com açúcar para cumprir essa função.

Eu acho difícil falar dos romances da Bella Andre porque no geral, é sempre mais do mesmo. Mas falando particularmente desse livro, sinto que a escritora tem errado um pouquinho na mão nessa “segunda temporada”. Não tenho nada contra a fórmula “receitinha de bolo” dela, até gosto, mas dessa vez, não me conectei.

preciso do seu amor

Os personagens são rasos e a história segue toda aquela lenga lenga. Não há nada de profundo que te faça estremecer. Me incomodei com o fato de que os personagens pensam tanto um no outro que é só isso, você não sabe mais nada sobre eles. E também com a velocidade da história. Trezentas e vinte páginas não acontecendo nada e de repente acontecendo tudo! Enfim, magoei.

Portanto, se você procura algum romance para desestressar eu posso indicar outros, até mesmo dessa série. Mas infelizmente Ford e Mia não me provocaram suspiros.

preciso do seu amor

Ficha do Livro

Título: Preciso Do Seu Amor

Autor: Bella Andre

Ano da edição: 2015

Editora: Novo Conceito

Número de páginas: 320 páginas

♥ Minha nota para o livro: 1 / 5 estrelas.

Matando Borboletas
26.01.2016

matando borboletas

Olaaaar! Em outubro, viajei pra Belo Horizonte e levei Matando Borboletas junto pra passar o tempo… Fiquei por lá três dias e li bastante… Só que voltei de viagem, o trabalho foi me consumindo e Matando Borboletas ficou pra escanteio. Dai dezembro chegou e eu lembrei que precisava terminar e terminei! Esse bonito foi indicação da Bea do Na Sua Estante.

No começo do livro conhecemos duas grandes amigas, que em meio a brincadeiras planejam ter filhos, uma quer ter um menino, a outra uma menina – desse modo quando eles crescerem podem se casar e ter filhos fortalecendo ainda mais o laço de amizade entre elas.

matando borboletas

Anos depois, esse desejo de infância se realiza e nascem Candence e Sphinx. A Sphinx é meiga, compassiva demais  e comum. O Cadence é brilhante, carismático, lindo de morrer e doente… Quando eles eram crianças, ele deixou uma cicatriz nela com uma faca. Anos depois, quando se reencontram, ele vê que Sphinx cobre a cicatriz com maquiagem e solta essa frase que me arrepiou toda:

– Você não sabe que foi tocado por um anjo?

Conforme a doença progride, Cadence vai ficando cada vez mais difícil. Ninguém sabe ainda, mas ele é incapaz de ter sentimentos. A Sphinx que continuar sendo leal a ele, mas teme por sua vida. O relacionamento entre os dois vai passar por muitas reviravoltas, até chegar ao aterrorizante clímax que pode envolver o sacrifício supremo.

matando borboletas

Ok. Comecei o livro super animada, mas na reta final fui ficando bastante irritada. Nesse ponto, eles tem dezesseis anos e Sphinx vai com a mãe visitar o garoto. Coisas estranhas acontecem, o Cadence trata a Sphinx como se ela fosse lixo e mesmo assim ela não se afasta. O que me incomodou, foi esse senso de intimidade entre eles, que não se viam e em se falavam desde que eram pequenos. Os pais da Sphinx foram coniventes com coisas absurdas e isso me magoou.

Dito isso, achei o Cadence um personagem muito bem construído. Realmente senti que ele não se importava com nada, a não ser sentir prazer em desprezar os outros.  A capa é muito bonita e chamou bastante minha atenção… E por dentro o livro tem uma diagramação legal, mas me incomodou por ter umas falhas nas letras do texto. Não sei se premiada com o exemplar ou se foi proposital, mas não atrapalhou a leitura.

Fica ai a indicação, mas se você procura uma pitadinha de romance, desista.

matando borbolrtas

Ficha do Livro

Título: Matando Borboletas

Autor: M. Anjelais

Ano da edição: 2015

Editora: Verus

Número de páginas: 224 páginas

♥ Minha nota para o livro: 4 / 5 estrelas.

O Sol É Para Todos
25.01.2016

o sol é para todos

Bom dia, pessoal! Aos poucos as coisas tem se ajeitado aqui no blog e hoje trago a resenha do segundo livro que li esse ano: O Sol É Para Todos.

Gostaria de começar essa resenha com uma confissão: meu primeiro contato com O Sol É Para Todos foi assistindo Um Amor Pra Recordar (filme baseado no livro do Nicholas Sparks). É o livro que a Jamie está lendo quando Landon vai falar com ela na cantina. hehe

O Sol É Para Todos se passa no início dos anos 30 em Maycomb, Alabama. É narrado pela garotinha Scout, cujo pai Atticus Finch é um advogado incumbido a defender um negro acusado de estuprar uma mulher branca.

o sol é para todos

Parece ser um livro pesado, mas é justamente o contrário. A primeira parte é tão divertida que parece filme da sessão da tarde. Me diverti muito vendo Scout, seu irmão Jem e o amigo deles Dill brincando na primeira parte do livro, bateu aquela nostalgia da minha infância sabe? Sensação gostosa… O Atticus – pai dos garotos – é um daqueles personagens a la Dumbledore – sempre tem uma lição bonita e legal para passar.

Uma coisa que adoro sobre livros de época é ver como as coisas costumavam ser antigamente e como são hoje em dia. Me surpreendi ao ver como a história é atual e fiquei até meio triste. O Sol É Para Todos trata de preconceito racial, social e o conformismo diante de injustiças.

o sol é para todos

Eu já tinha tentado ler esse livro, mas parece que eu não tava no momento, ai sugeri no clube do livro e as meninas toparam. Demorei dez dias pra ler, não porque não estava gostando, mas porque estava sem tempo mesmo.

Apesar de ter achado tudo muito divertido, bonito e marcante também achei o livro meio aleatório, com algumas ceninhas desnecessárias.

Dito isso, O Sol É Para Todos é um dos romances norte-americanos mais importantes do século XX. É um clássico – e essa palavra me causa arrepios desde a minha tentativa falha em ler Orgulho e Preconceito. Mas a linguagem é incrível e a história narrada pela Scout deixa tudo ainda mais doce.

o sol é para todos

 

Ficha do Livro

Título: O Sol É Para Todos

Autor: Harper Lee

Ano da edição: 2015

Editora: José Olympio

Número de páginas: 350 páginas

♥ Minha nota para o livro: 4 / 5 estrelas.

Resenha: Confess
24.01.2016

confess

Olá tchucos! Vocês vão ver muitas resenhas por aqui essa semana porque preciso atualizar o desafio 52 livros em 52 semanas e porque em dezembro li uns livros e não soltei as resenhas aqui. Sooo deal with it. Confess não entra no desafio porque li em dezembro, antes de começar o desafio…

Confess foi indicação da Ana do Na Sua Estante (obrigada de novo, chuchu!) e foi uma leitura simplesmente sensacional. O primeiro livro que li da Collen Hoover foi O Lado Feio do Amor e fiquei super curiosa para conhecer outros trabalhos da escritora e o escolhido foi Confess. Uma surpresa agradabilissima porque eu amei tudo… A história, o conteúdo, a arte… TUDO!

confess

Auburn tem sua vida toda planejada e para isso ela não pode andar fora da linha. Ela já perdeu tudo o que tinha de mais importante, por isso para reconstruir sua vida, não pode cometer um errinho… Mas um evento inesperado pode colocar tudo em risco. Ao entrar em um estúdio de arte em Dallas ela conhece Owen Gentry, um artista enigmático e super legal (palavras minhas).

Auburn coloca seu coração em risco, mas logo percebe que Owen esconde segredos e esses segredos podem prejudicar tudo o que ela construiu e afastá-la da pessoa mais importante de sua vida. Desse jeito, tudo o que ela precisa fazer é se afastar dele. Mas Owen não quer perdê-la. Ele precisa se abrir para ela, confessar seus segredos. Mas como confessar algo que pode fazer com que ele a perca pra sempre?

confess

Gente, não sei nem por onde começar, esse livro é incrível em tantos níveis. Mas vamos começar pelo nome. Confess é o nome da galeria do Owen, onde pessoas deixam confissões anonimamente em sua porta e ele faz pinturas baseadas nessas confissões. Só que essas confissões são reais! As pessoas contaram seus segredos para a escritora e ela as reproduziu no livro! Maravilhoso, ou não!?

Mas não acaba ai, o livro mostra as telas criadas por Owen que na verdade são de um artista maravilhoso chamado Danny O’Connor! No kindle não deu pra ver direito, ai pedi pra Ana me mostrar no Whatsapp e depois pesquisei na internet e fui só me apaixonando mais e mais pela leitura.

confess

Eu poderia e queria ficar aqui falando mais e mais, sobre como os personagens são lindos e como a Colleen é uma alma sensível, mas esse é um daqueles livros que a sinopse não faz jus, sabe? Então leiam e se deliciem porque Confess é uma experiencia completa.

confess

Ficha do Livro

Título: Confess

Autor: Colleen Hoover

Ano da edição: 2015

Editora: Atria Books

Número de páginas: 320 páginas

♥ Minha nota para o livro: 5 / 5 estrelas.

Minha Julieta
23.01.2016

Minha Julieta

Oi chuchus ♥

Minha Julieta foi o primeiro livro que li esse ano e é a continuação de Meu Romeu.

No começo, achei a história bem chatinha, mas depois que entrei na história, devorei. Minha meta era ler ele em sete dias, acabei terminando em cinco.

Você acha possível que almas gêmeas que se amam não fiquem realmente juntas?

Quando Cassie foi abandonada por Ethan, cinco anos atrás, uma parte dela morreu. Uma parte que ela nunca pensou que fosse possível de ser ressuscitada. Eles se reencontraram nos palcos da Broadway e Ethan parece pronto para reconquistá-la. Ele parece dizer todas as coisas certas, mas Cassie não sabe se está pronta para acreditar no homem que no passado quebrou todas as suas promessas.

Minha Julieta

 

Minha Julieta demorou me conquistar, mas conquistou, até mais que Meu Romeu. Os personagens evoluíram bastante e a história deixou de ficar confusa. Cassie e Ethan mudaram bastante. Depois que ele a abandonou, saiu viajando o mundo, sempre sentindo-se incompleto, enquanto Cassie se jogou em uma vida repleta de luxuria.

Se as pessoas fossem livros, Ethan seria uma best seller. Um livro cativante, sexy e inteligente que ninguém quer largar, mesmo depois de ter transformado você em um montinho soluçante.

Agora, cinco anos depois desse abandono, eles se reencontram no lugar onde tudo começou: o palco. Com carreiras de sucesso os dois continuam um estouro, não só quando a cortina se abre, mas nos bastidores também. Achei legal toda a explicação psicológica para o comportamento deles e como o livro caminhou no ritmo certo. Não foi corrido e nem lenga lenga. Uma leitura muito gostosa e com certeza indicada.

 Minha Julieta

Ficha do livro:

Título: Minha Julieta

Autora: Leisa Rayven

Editora: Globo Livros

Páginas: 352

Minha nota para o livro: 4 estrelas

Blogagem coletiva: Meta de leitura 2016
19.01.2016

Oi gente! Sumi semana passada porque o blog ficou fora do ar e quando voltou foi a vez da internet sacanear comigo. Mas cá estou, fazendo uma blogagem coletiva básica para contar pra vocês qual é a minha meta de leitura para 2016 e porque escolhi essa quantidade de livros para ler. Essa história da blogagem começou ano passado, mas só agora deu tempo de aderir. Apelidamos o projeto de Divã Literário. espero que gostem!

Em agosto, comecei trabalhar em uma livraria –sonho! E com isso acrescentei muitos livros na estante. Só que o tempo foi ficando pouco e eu acabei me sobrecarregando por pura falta de planejamento. Mas decidi que em 2016 eu faria diferente.

Navegando pelo blog Quase Mineira descobri que ela fez, ano passado, um desafio chamado 52 livros em 52 semanas. Que consistia em ela ler 52 dois livros em 52 semanas (deer).

Por que não planejar meu tempo de leitura, tirar 40 minutos para ler alguns capítulos?

E é isso que estou fazendo. Eu escolho um livro, olho o número de páginas e divido por sete. Desse jeito, sei que preciso ler tantas páginas por dia e não me sobrecarregar.

Algumas pessoas me questionaram sobre a leitura ter se tornado uma obrigação, uma rotina chata. E eu acho que não, minha leitura é um hábito e como todo hábito precisa de uma rotina. Ás vezes leio mais do que as páginas pré estabelecidas e às vezes leio menos e tento compensar no dia seguinte… Está tudo na mais perfeita ordem por aqui.

Em janeiro já li:

Minha Julieta

O Sol É Para Todos

Preciso Do Seu Amor

Não Olhe Para Trás (Lendo)

Estou atrasada nas resenhas por isso vou essa semana elas vão aparecer bastante por aqui.

Então é isso, em 2016 eu vou ler pelo menos 52 livros. E vocês, pretendem ler quantos?

 Esse foi um post da blogagem coletiva, você pode ver outros posts tão legais quanto nesses blogs:

Ana e Bia do blog Na Sua Estante

Thais do blog Imagine Labririntos

Beta do blog Livro com Pão de Queijo

Thayenne do blog Entre óculos e livros

Maria Fernanda do blog Photo and books

 

Beijinhos e até a próxima!

Tag: Minha Vida Em Livros
02.01.2016

TAG

Oi gentes! Vi essa tag em um vídeo da Hadassah do blog VUOU e resolvi responder também, mas como não sou muito boa com câmeras, resolvi fazer esse post lindeuso!

♥PERGUNTAS♥

1) Escolha um livro para cada uma de suas iniciais

Love Story (Luma)

No Limite da Atração (Nunes)

Mil Pedaços de Você (Marinho)

 

2) Conte sua idade pelos livros de sua estante: qual é o livro?

Tenho duas estantes, uma com livros que já li e outra com os que pretendo ler. Contei 23 da estante de lidos e deu Uma Razão Para Respirar. Amei, pois esse livro é incrível.

 

3) Encontre um livro ambientado em sua cidade/estado/ país

Suicidas do Raphael Montes se passa no Brasil, no Rio de Janeiro.

 

4) Escolha um livro que se passe em um lugar que gostaria de conhecer

Playboy Irresistível é ambientado em NYC.

 

5) Escolha uma capa de livro com sua cor preferida

Sábado À Noite da Babi Dewet é cinza 

 

6) Que livro te traz boas lembranças?

Harry Potter. Todos eles. Lembro da ansiedade em esperar os lançamentos e de como toda vez que lançava um livro/filme eu e minha irmã lia/assistia todos os volumes anteriores aos do lançamento.

 

7) Qual livro você teve mais dificuldade em terminar?

Cidade dos Ossos. Eu estava muito acostumada a ler romance. Dai quando achei dificil ler fantasia por causa da quantidade de personagens e de um milhão de coisas que acontecem em um curto espaço de tempo, nem dá tempo de a gente respirar rs.

 

8) Que livro ainda não lido lhe trará a maior sensação de “missão cumprida”?

Novembro de 63. O livro do Stephen King foi um presente do Doug e na época custou caro. Eu estava gostando, mas parei e acabei desanimando. Quero muito continuar.

 

É isso, pessoal! Curti bastante responder essa tag. Agora é a vez da Ana e da Bea do Na Sua Estante da Thais do Imagine Labirintos. E a sua, caso queria responder 🙂

Ah, que traduziu essa tag foi a Tatiana Feltrin.

Beijinhos e até a próxima.

Meu Romeu
27.12.2015

IMG_4818

Oi gentes!

Meu Romeu foi publicado pela editora Globo e é o primeiro livro da Leisa Rayven. Comprei, acabei desanimando e a dona Nathalia me fez querer amar.

A Cassie é uma atriz prestes a realizar o sonho de estrelar na Broadway. Mas isso tem um preço: ela vai ter que contracenar com seu ex namorado em um espetáculo romântico e cheio de cenas quentes. Ethan Holt e Cassie possuem uma química única no palco e fora dele dele também, mas toda essa química acabou por ser tornar um desastre.

IMG_4820

Ainda estou meio anestesiada pelo final da leitura. É intenso, apaixonado, engraçado e um pouco confuso.

Uma opinião não precisa ser verdade para mais ninguém no mundo além de você. Para de tentar agradar a porra de todo mundo e diga o que você pensa.

Meu Romeu é narrado pelos pontos de vista da Cassie. Sim. Pontos de vista. Para entendermos a atual situação do ex casal, visitamos a Cassie  de seis anos atrás, quando eles se conheceram na faculdade. Logo fica claro que Holt tem probleminhas, apesar de ser maravilhoso.

IMG_4819

A Cassie é uma garota bem atiradinha e super engraçada, uma das raras personagens que eu gosto. Ela tem atitude e não baixa a cabeça fácil. Só de conseguir conquistar o Holt, já faz dela uma guerreira.

A história em si é muito bacana, mas por mais que tenha uma continuação, o final ficou confuso, faltando alguma coisa aqui e ali, acho que faltou um encerramento legal. Mas deixou uma chaminha pra eu ler Minha Julieta. Então, valeu a pena.

 

Ficha do livro:

Título: Meu Romeu

Autora: Leisa Rayven

Editora: Globo Livros

Páginas: 407

Minha nota para o livro: 4 estrelas.

@lumanunesblog No images found!
Try some other hashtag or username