O GAROTO DOS MEUS SONHOS
10.01.2019

O GAROTO DOS MEUS SONHOS

Autor: Lucy Keating
Editora: Globo Alt
Páginas: 264
Sinopse: Desde quando consegue se lembrar, Alice tem sonhado com Max. Juntos eles viajaram o mundo, passearam em elefantes cor-de-rosa, fizeram guerra de biscoitos no Metropolitan Museum of Art… e acabaram se apaixonando. Max é o garoto dos sonhos – e somente dos sonhos – até o dia em que Alice o vê, surpreendentemente, na vida real. Mas ele não faz ideia de quem ela é… Ou faz? Enquanto começam a se conhecer, Alice percebe que o Max dos Sonhos em nada se parece com o Max Real. Ele é complicado e teimoso, além de ter uma namorada e uma vida inteira da qual Alice não faz parte. Quando coisas fantásticas dos sonhos começam estranhamente a aparecer na vida real – como pavões gigantes que falam, folhas de outono cor-de-rosa incandescente, e constelações de estrelas coloridas –, Alice e Max precisam tomar a difícil decisão de fazer isso tudo parar. Mesmo que os sonhos sejam mais encantadores que a realidade, seria realmente bom viver neles para sempre?
Nota: ♥♥♥♡♡

SOBRE A HISTÓRIA

Alice tem dezesseis anos e desde criancinha tem sonhos malucos com Max.

O problema é quando ela muda de cidade. Em sua nova escola Alice topa com Max, o garoto que só deveria existir em seus sonhos.

O Max de carne e osso é meio ranzinza e tem uma namorada incrível, ou seja, nada parecido com o garoto de seus sonhos. Ela quer descobrir o que está acontecendo e no meio dessa busca os sonhos começam a se misturar com a realidade.

Eles decidem que está na hora de viver a vida real, mesmo que ela não seja tão encantadora quanto o mundo dos sonhos.

O QUE EU ACHEI DE O GAROTO DOS MEUS SONHOS

O livro é narrado pelo ponto de vista da Alice e os capítulos são intercalados entre a vida real e os sonhos. A parte dos sonhos é curtinha e divertida.

Apesar de ser uma leitura fluida e envolvente o que roubou as duas estrelas foram os protagonistas e o drama desnecessário. Alice é muito infantil e tinha umas cobranças que eu ficava sem entender. Max é totalmente apático e sem carisma, ele mudava de humor muito rápido e eu fiquei exausta.

Apesar disso, o livro se desenvolveu bem, mas só se resolveu nas últimas dez páginas com uma coisa meio: ok, de onde saiu isso? E todo aquele draminha chato de adolescente.

O que fez valer as três estrelas além de a leitura ser fluida foram os personagens secundários: Oliver, Sophie, Celeste, o pai da Alice… Enfim, todos eles.

Resumindo: é uma leitura legal, mas pecou na personalidade dos protagonistas e enrolou pra se resolver, porém é satisfatório.

TRECHOS

“(…) Estou começando a perceber que talvez eu nunca o tenha conhecido. Não por completo de qualquer forma. E que sonhos e realidade estão longe de ser a mesma coisa.”

“Quando sonhamos, estamos sempre conectados. Mas isso não é um sonho. Eu me pergunto se ele sente minha falta como sinto a dele. Do tempo em que não havia essa distância entre nós.”

“Aparentemente amor deixa você lindo.”

“Há tantas maneiras diferentes de amar alguém…”

“Surpreende-me como um gesto tão pequeno pode causar sentimentos tão grandes. Como às vezes você não percebe o nervosismo ou a tristeza que estava acumulando bem nas profundezas até que o toque de alguém que você ama arranca tudo isso de você, seu corpo inteiro desabafando.”

“Todos os ossos quebrados ou queimaduras ou corações… Bom, todos eles saram no fim. ”

“Nós apenas sorrimos até o ponto em que meu sorriso não é uma parte do rosto, mas o rosto é uma parte do meu sorriso.”

“- Não posso voltar a morar nos meus sonhos, Alice. Eu me esforcei demais para minha realidade.

– Mesmo que seus sonhos estejam bem na sua frente?”

1 comentário

  • […] estava desanimada, principalmente por não ter gostado muito de O Garoto Dos Meus Sonhos, mas pensa em uma surpresinha gostosa. Amei todos os […]

  • Deixe seu comentário

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    @lumanunesblog No images found!
    Try some other hashtag or username