CHAKRAS
04.08.2020

Olá, estou estudando os chakras e resolvi tornar público um pouco do meu processo. Nossos corpos emanam e recebem energias o tempo todo, nossas energias ficam polarizadas em Ida, energia feminina e lunar, no lado esquerdo do nosso corpo e Pingala, energia masculina e solar, no lado direito. Esses dois canais de energia são chamados Nadis e é através deles que a nossa força vital (Prana) é distribuída.

Vou falar sobre os chakras de forma bem introdutória porque pretendo continuar esse assunto no meu instagram.
A palavra vem do sânscrito e significa roda, isso porque ao longo da nossa coluna vertebral existe sete pontos, em locais específicos, que emanam energias para o equilíbrio do nosso corpo, mente e espírito.
As energias são influenciadas pelos elementos terra, água, ar, fogo e éter.

A energia dos chakras é giratória, então se gira muito rápido, muito devagar ou estiver bloqueada a sua saúde sofre, por isso é importante se conhecer para que os chakras estejam sempre alinhados.

OS SETE CHAKRAS

MULADHARA, CHAKRA BÁSICO, O CHAKRA DA TERRA, PRIMEIRO CHAKRA

Mula (raiz) e Dhara (base), é o chakra do aterramento. Fica localizado no final da coluna, no cóccix, indo até abaixo do umbigo, porém encontrei também que esse chakra simbolizado pela cor vermelha pode estar posicionado no períneo e é onde se encontra a Kundalini que representa o princípio feminino.

Quando não está equilibrado, pode gerar falta de energia, ansiedade e sensação de insegurança.
Para equilibrar é recomendado fazer meditações com o mantra LAM, posições de aterramento na yoga (Tadasana) e uso dos cristais hematita, obsidiana, granada ou jaspe vermelha.

Assim teremos a sensação de paz, disposição e tranquilidade em relação ao financeiro.

SVADHISTHANA, O CHAKRA SACRO, O CHAKRA DA ÁGUA, O CHAKRA SEXUAL, O SEGUNDO CHAKRA

O lugar do eu, é o chakra da água, devido ao fato de estar associado ao movimento e fluxo. Fica localizado entre o umbigo e a região genital. Nesse chakra simbolizado pela cor laranja está a conexão do amor pela vida.

Quando está desequilibrado pode causar inquietações como ciúmes, busca exagerada por prazeres e problemas hormonais.
Para equilibrar é recomendado fazer meditações com o mantra VAM, posição do triângulo na yoga (Trikonasana) e uso dos cristais calcita laranja, opala de fogo, cornalina ou citrino.

Como esse chakra está conectado a reprodução e a criatividade, então seu equilíbrio tem a ver com abundância, prazeres e emoções.

MANIPURA, O CHAKRA DO FOGO, O CHAKRA DO PLEXO SOLAR, O CHAKRA UMBILICAL, O TERCEIRO CHAKRA

A jóia brilhante é o chakra da autoconfiança e fica na região do umbigo. O chakra amarelo é conduzido pelo elemento fogo.

Quando não está equilibrado, falta vontade e autoestima, além de causar problemas digestivos.
Para equilibrar é recomendado fazer meditações com o mantra RAM, posição do barco na yoga (Trikonasana) e uso dos cristais citrino, turmalina amarela, âmbar e malaquita.

Quando equilibrado, esse chakra dá a sensação de confiança e sensatez.

ANAHATA, O CHAKRA DO CORAÇÃO, 0 CHAKRA DO AR, O CHAKRA CARDÍACO, O QUARTO CHAKRA

Anahata pode ser traduzido como ileso, é o chakra do amor puro. Localizado no centro do peito e representado pela cor verde, quando está equilibrado nos transmite sentimentos de gratidão, confiança e liberdade.

Quando não está equilibrado, pode causar problemas cardíacos e respiratórios, além de dificuldade de aproximação dos outros.
Para equilibrar é recomendado fazer meditações com o mantra YAM, exercitar o perdão, posição Anjaneyasana na yoga e uso dos cristais como, por exemplo, o quartzo rosa, malaquita, jade, quartzo verde e esmeralda.

VISHUDDHA, O CHAKRA ETER, O CHAKRA LARÍNGEO, O CHAKRA PURIFICADOR, O QUINTO CHAKRA

Purificação. Localizado no pescoço, esse chakra representa o renascimento espiritual. De cor azul, o chakra da comunicação está intimamente ligado a criatividade.

Quando desequilibrado causa dificuldade para se expressar e timidez. Assim sendo, para equilibrar é recomendado fazer meditações com o mantra HAM, fazer a pratica do ho’oponopono e uso dos cristais água marinha, azurita e lapis lazuli.

AJNA, O CHAKRA DA LUZ, O CHAKRA FRONTAL, O CHAKRA DO TERCEIRO OLHO, O SEXTO CHAKRA

Ajna, o chakra da percepção. O chakra do terceiro olho está localizado no centro da testa e responsável pela nossa intuição e energia psíquica. Além disso, é representado pela cor azul, quando equilibrado nos sentimos em sintonia com o físico e o material.

Então quando desequilibrado desencadeia efeitos negativos, como vícios e comportamento de fanatismo. Ametista, pedra da lua e quartzo branco são excelentes cristais para ajudar no equilíbrio, além da meditação com o mantra Om e a postura do golfinho (ardha pincha mayurasana) na yoga.

SAHASRARA, O CHAKRA DA COROA, O CHAKRA CORONÁRIO, O SÉTIMO CHAKRA

O sétimo chakra se traduz como mil pétalas, pois é quantidade presente na lótus que simboliza o chakra da consciência. Localizado no topo da cabeça, esse é o chakra mais complicado de explicar, pois ele não é uma roda como os demais e sim uma abertura.

Seu equilíbrio se dá no alcance do nirvana quando já não somos mais humanos, mas é claro que podemos percorrer o caminho e isso trará bons resultados. Quando desequilibrado, transmite sentimento solidão e ceticismo.

Para alimentar esse chakra podemos investir em orações, meditações e busca pela simplicidade.

FONTES

https://pt.mindvalley.com/blog/os-7-chakras/

https://www.instagram.com/bellavalhosa/

1 comentário

  • Avatar Talita disse:

    Muito explicadinho! Interessante demais esse assunto

  • Deixe seu comentário

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

    @lumanunesblog