Meu Processo Criativo | Bullet Journal
18.06.2018

Oi gente! Hoje vim contar pra vocês um pouquinho sobre o meu processo criativo para construir o Bullet Journal mensal. Espero que entender um pouco sobre meu processo, inspire vocês, mas é importante lembrar que esse é o MEU jeito de fazer, hem? Não tem regras.

Tema

A primeira coisa é a escolha de um tema, que acho importante para eu determinar a paleta de cores e consequentemente organizar meu estojo para que fique somente os materiais que vou usar. Normalmente, o tema é algo que já está na minha cabeça, algum estimulo visual que tenha me interessado naquele mês.

Referencias

Com o tema definido corro para o insta, pinterest e youtube. Minha visão a respeito de referencias mudou bastante e sinto que depois disso minha visão criativa mudou 100%. Antes eu achava que se escolhesse o tema abacaxi, eu deveria pesquisar só desenhos de abacaxi e pronto. Mas aprendi a explorar mais o tema, buscar referencias em fotos, moda, filmes, entre outros. Pretendo falar mais sobre isso em outro post, mas acho que os moodboards são exemplos muito bons dessa fluidez.

Colocando as ideias no papel

É bem comum a gente consumir muita informação e ficar perdido. Então, eu pego um papel, de preferencia igual ao do caderno que uso para fazer o meu Bujo e começo rebiscar, testar as canetas (até mesmo para ver se a tinta passa pro outro lado, se faz sombra…), estudar o espaço, desenhar, enfim… É uma parte bem divertida e que funciona como um filtro.

Hora de agir

Depois de tudo isso, já tenho a ideia formada na minha cabeça e começo a passar pro meu caderno a lapis antes de passar a caneta e afins. Medrosa que chama.

 

Parece demorado e até um pouco complicado, mas juro que faço tudo, inclusive a parte do bullet journal em uma hora mais ou menos… Espero que vocês tenham gostado. Beijos e até a próxima.

 

Nenhum comentário

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

@lumanunesblog